segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Abandonar não é normal!

Você sabia que nesta época do ano os índices de abandono de animais dobram?
Cada vez mais pessoas abandonam seus animais para irem viajar de férias, ou para curtirem as festas de final de ano sem compromisso.
Se você gosta de animais, assim como nós, deve achar esse comportamento absurdo e execrável, porém o abandono está bem mais perto do que você imagina!
As pessoas costumam associar o descarte de animais à periferia, onde realmente se vê uma quantidade bem maior de animais perambulando sem dono. No entanto, a cultura do abandono está presente em todas as camadas sociais.
Não são raros os casos de animais descartados na frente da casa dos Protetores, que vieram dentro de carros de luxo. Outros, nem se dão ao trabalho de procurar alguém que os acolha, soltam em estradas, para que não consigam voltar para casa, ou simplesmente jogam o animal pela janela, mesmo com o carro em movimento.
Você vai encontrar pessoas com boa instrução que justificam o abandono de animais se fazendo de vítimas: "É o cachorro, ou a única oportunidade de meus filhos terem férias!" ou "São os cães, ou a saúde do meu pai!" ou ainda "É o cão, ou o sonho da minha casa nova!"
Quando essas frases dramáticas, recheadas de hipocrisia, são pronunciadas, a sociedade se cala e se torna conivente com o crime. Sim, porque: ABANDONO É CRIME. Não interessa o motivo!
Se você quer viajar, se você acha que um animal faz mal a saúde de alguém, se você quer mudar de casa e tem um animal de estimação, é bom saber que você terá que envolve-lo nos seus planos. Ele é problema seu e você tem a obrigação de realoja-lo antes de mudar, antes de sair de férias ou antes de ter uma crise familiar.
Há pessoas que fazem de seus animais, membros da sua família e há pessoas que tratam animais, como coisas, que podem ser jogadas fora quando se tornam um estorvo, ou quando causam qualquer problema.
Mesmo que você não ache que o seu animal é um membro da família, é inegável que ele é um ser vivo e que, como tal merece respeito. Abandonar um animal é uma atitude cruel, que mata aos poucos, de fome, de sede, frio ou doença.
Ao abandonar, há pessoas que acham que "alguém vai pega-lo e ele estará melhor". Isso é outra frase  de quem quer se isentar da responsabilidade. As pessoas tem que ter a consciência que: Ninguém vai pegá-lo! Os abrigos estão super lotados, principalmente por causa de pessoas assim. A maior parte dos animais não é acolhida e acaba morrendo a míngua.
Uma das formas de se combater o abandono é a conscientização. Não seja conivente com o abandono! Manifeste-se, critique, mostre que você não acha isso normal. Converse com as pessoas. Ajude a doar animais que serão abandonados. Ofereça sua casa, como um lar temporário. Socorra um animal abandonado.
Todos podemos fazer a nossa parte para diminuir o abandono!

Um comentário:

  1. Muito bonito este projeto ,que Deus abençoe e ilumine para que isto dure muito mesmo e continue ajudando estes peludos.Também quero realizar um projeto deste com cães e gatos de rua e ainda vou realizar.Parabens

    ResponderExcluir

Comente!